sexta-feira, 2 de setembro de 2016

COMPOSIÇÃO DO AMOR



Olhos de minh’ Alma acalentada,
tens-me sentido tão perto
quanto estou de ti em nossa árdua caminhada?

Acompanho-te presente pelos sentidos,
curando minhas feridas
somente com o sopro azulado de teus gemidos.

Razão és de meu esperançoso seguir
e se tantas e tantas vezes vacilo
é a tua Luz que faz novamente minh’Alma se colorir.

Os raros momentos de Real Felicidade
foram os que passei contigo
em minha mais inesquecida mocidade.

Quando tocas-me em um gesto ocasional,
despertas em mim lembranças
da Lua a que nos amávamos sobre a fresca relva Floral.

Como posso deixar alguém
o teu sagrado espaço preencher
se somente tu foste criado com a silhueta de meu nascer?

Somos juntos a Sinfonia de perfeita composição!
És a clave que harmoniza
os compassos de minha emoção.
Se falta em melodia a nota de um verso teu,
destoa a minha sina e dilacera o canto meu!

Poema de Della Coelho
Imagem: google.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário